Postagens populares

domingo, 15 de abril de 2012

Espelho, espelho meu e Once Upon a Time - efeitos diversos

Acabei de assistir ao filme Espelho, espelho meu, estrelado pela atriz Julia Robertos, como a madrasta. Só posso dizer: -Não gostei!

Apesar da atuação da fantástca Julia Roberts que não se enquadrou bem no papel de madrasta má, a Branca de Neve no filme não é encantadora. Independente de estar dentro de padrões comuns de beleza, ou não, a protagonista não se apresentou encantadora ou iluminada no decorrer do filme. O príncipe, embora tenha exibido as formas musculosas, também não se mostrou encantador.

Penso que essa versão não deve ter agradado nem a adultos, nem a crianças, visto que não foi engraçada ou intrigante o suficiente e também não foi leve nem encantadora. Aliás, não trouxe elementos espetacularmente novos, que é o que atrai em contos de fada. Apesar da potagonista não ter comido a maçã ( a patiu e ofereceu um pedaço à bruxa) e o príncipe ter sido enfeitiçado (se comportou como um filhote de cão muito sem graça), não houveram inovações - sem dúvida, as versões anteriores foram melhores.

Já o seriado da SONY ONCE UPON ON TIME tem se revelado um sucesso. Num mix de magia e realidade, a produção conta a história de uma garota que fora salva por sua mãe, a Branca de Neve no mundo da magia. Seu pai, após o nascimento da garota, teve que colocá-la num armário mágico que a teletransportou ao mundo real, e a fizera surgir numa estrada. Encontrada, adotada e depois devolvida, a garota teve um filho e também o pôs para adoção. Este garoto acabou por ter sido criado pela prefeita da cidade, que no mundo da magia é a bruxa que raptou Branca de Neve e seu esposo. Através de um site de pais biológicos, o garoto encontrou sua mãe e ,por meio de um livro em que sua história é contada, e através da sua professora ( que no mundo da magia é sua avó, a Branca de Neve), precisa convencer a sua verdadeira mãe que ela não foi abandonada, mas a mãe dela, a Branca de Neve, tentou dar-lhe o melhor, salvá-la da bruxa.

A história de Once Upon a Time é linda e revela o quanto devemos buscar ver as coisas sobre vários ângulos, inclusive pelo lado positivo. A garota que fora abandonada na história é a filha salva da Branca de Neve. Também nos mostra o quanto precisamos acreditar na magia e na beleza do que pareçe ser impossível. O filme dá uma grande lição de esperança, que é o que falta em muitos de nós. E para outros, é o que movimenta a vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário